Team Coaching: como e por que ter equipes alinhadas

 em Teoria do Coaching

Quando pensamos no sucesso de uma empresa, muitas vezes focamos nos números. Mas por trás das metas e do balanço financeiro existe um time de pessoas. E esse time precisa estar muito alinhado para conseguir produzir os resultados desejados. É aí que entra o processo de Team Coaching, ou coaching para times, um serviço bastante procurado por meus clientes.

O fato é que não basta ter as melhores mentes trabalhando em sua empresa. Acima de tudo, elas precisam estar alinhadas e emocionalmente conectadas. Isso significa que a equipe precisa partilhar certos valores, ter um objetivo comum, estabelecer uma estratégia única e, principalmente, ter confiança. Tudo isso é a base do coaching de times.

Como funciona o Team Coaching

Em primeiro lugar, este processo trabalha a dinâmica de relacionamento da equipe. E quando digo equipe, é qualquer situação que envolve mais de um ser humano cooperando. Já fiz coaching com times de duas pessoas, mas também atendi grupos de mais de 10 vice-presidentes e diretores.

O Team Coaching envolve também processos individuais, isto é, de Executive Coaching. Isso é relevante porque o trabalho de base é feito individualmente, especialmente no caso de diretorias de grandes equipes. Então, o que é discutido e observado nas reuniões com a equipe pode ser levado de forma particular para os líderes, e vice-versa. Portanto, um processo enriquece o outro.

O objetivo principal é trazer à tona o impacto de cada um na dinâmica da equipe e, ao mesmo tempo, mostrar como essa dinâmica afeta cada indivíduo. Isso porque a pessoa tem uma forma de agir e expressar seus valores individualmente. Porém, quando está dentro de um time, isso pode mudar. É o que explica a psicologia das massas, elaborada por Sigmund Freud em 1921. Por isso, primeiro trazemos consciência para, em seguida, modelar e equilibrar essas interações.

Imagem de pessoas remando juntas para simbolizar o processo de team coaching

Coaching de times na prática

Em geral, os encontros com a equipe acontecem uma vez por mês. O coach pode propor dinâmicas e atividades específicas para um time, ou mesmo participar de uma reunião de negócios como observador. Em algumas situações, é necessário dar feedbacks imediatos. Isso deve ser feito sempre de maneira sutil e respeitosa, sem expor o indivíduo perante à equipe.

Por conta disso, o coaching de times requer profissionais altamente especializados e treinados. Afinal, não há como prever que tipo de conflitos surgirão durante uma reunião de trabalho e que deverão ser objeto de trabalho dos consultores envolvidos. É necessário muita experiência para perceber que aspectos estão influenciando a dinâmica de determinado time e fazer contribuições pontuais para direcionar as discussões do time de forma produtiva.

Nesse sentido, o conhecimento em psicanálise é bastante útil, porque permite enxergar camadas mais profundas do ser humano. É natural que no começo do processo as pessoas controlem sua forma de participar, de se expor, mas isso não se sustenta por muito tempo. Ter um olhar psicanalítico confere agilidade ao processo e encurta esses caminhos.

O que acontece depois

Uma das consequências do Team Coaching é a quebra de padrões e conceitos pré-estabelecidos. Nós costumamos interpretar o comportamento do outro a partir do nosso olhar do mundo, ao invés de ir em busca da real motivação do comportamento daquele indivíduo.

Quando jogamos luz em situações específicas do cotidiano corporativo, revelamos a diferença entre a interpretação de um e a intenção do outro. Logo, as pessoas percebem como muitas vezes o comportamento está desconectado da intenção. A partir dessa consciência, abre-se uma oportunidade para que cada um se coloque e se manifeste de forma mais adequada e autêntica.

Uma dinâmica que costumo fazer com times é pedir para os participantes descreverem uma qualidade do seu par que facilita sua vida e seu trabalho dentro da equipe. Isso permite olhar para qualidade do outro mais do que para o defeito. Ao invés de criticar, é celebrar a diferença e usá-la a favor do negócio.

A maioria dos executivos foi criado para ser “o solucionador de problemas”, e não para trabalhar em equipe. Embora um diretor tenha grandes responsabilidades, ele não é um ser completo e não pode fazer tudo sozinho. É como eu sempre digo: só gente muito boa é capaz de reconhecer suas fragilidades e pedir ajuda.

Afinal, não somos seres individuais. Na vida e nas empresas, precisamos do outro para prosperar. E o Team Coaching age exatamente na relação com o outro e com o grupo. Um time mais consciente de sua potências e desafios é também um time mais preparado e mais produtivo. E a empresa só tem a ganhar com isso!

Imagem de pessoas juntas no pôr do sol simbolizando team coaching

Postagens Recomendadas
Duas pessoas apertando as mãos simbolizando o coaching de relacionamentos